Leia aqui resenha escrita pelo filósofo David Gordon, membro sênior do Mises Institute.

A Ética da Liberdade (Ethics of Liberty), obra de Murray N. Rothbard, foi traduzido para o português por Fernando Fiori Chiocca, fundador do Instituto Ludwig von Mises Brasil (hoje Instituto Rothbard).

 

Lançado em 1982, A ética da liberdade apresenta uma rigorosa e sofisticada defesa filosófica da liberdade, baseada no conceito do direito natural. Dando sequência à demonstração de seu mentor Mises de que a sociedade sem propriedade privada se degenera em caos econômico, Rothbard mostra que a interferência estatal sobre a propriedade privada representa uma invasão, que diminui a liberdade e a prosperidade.

Suas conclusões radicais se mostram surpreendentemente práticas para lidar com dilemas éticos do dia-a-dia, tais como autodefesa, punições, direitos das crianças e dos animais, entre outros.

 

 

. Introdução
. Agradecimentos
. Prefácio
01. A lei natural e a razão
02.A lei natural como uma “ciência”
03. Lei natural versus lei positiva
04. Lei natural e direitos naturais
05. A tarefa da filosofia política
06. Uma filosofia social de Crusoé
07. Relações inter-pessoais: troca voluntária
08. Relações inter-pessoais: propriedade e agressão
09. Propriedade e criminalidade
10. O problema do roubo de terras
11. O monopólio de terras: passado e presente
12. Defesa própria
13. Punição e proporcionalidade [1]
14. As crianças e seus direitos
15. Os “direitos humanos” como direitos de propriedade
16. Informação verdadeira e informação falsa
17.O suborno
18. O boicote
19. Os direitos de propriedade e a teoria dos contratos
20. Situações de vida ou morte
21. Os “direitos” dos animais
22. A natureza do Estado
23. As contradições inerentes do Estado
24. O status moral das relações com o Estado
25. As relações entre Estados
26. Economia de livre mercado utilitarista
27.A liberdade negativa de Isaiah Berlin
28. F.A. Hayek e o conceito de coerção [1]
29. Robert Nozick e a concepção imaculada do Estado.[1]
30. A estratégia da liberdade

 

Imprimir