Campos de Concentração Covid para australianos; isto está acontecendo

1
Tempo estimado de leitura: 2 minutos

Zero Hedge, 22 de novembro de 2021: “O exército australiano começou a remover à força residentes nos Territórios do Norte para o campo de quarentena de Howard Springs localizado em Darwin, depois que nove novos casos de Covid-19 foram identificados na comunidade de Binjari. A ação ocorre depois que lockdowns rígidos foram instituídos nas comunidades de Binjari e nas proximidades de Rockhole na noite de sábado.”

“’Os residentes de Binjari e Rockhole não possuem mais os cinco motivos para deixar suas casas’, disse o ministro-chefe do Território do Norte, Michael Gunner, referindo-se aos cinco motivos permitidos pelo país para evitar o confinamento (compra de alimentos e suprimentos, exercícios por até duas horas, receber ou dar cuidados assistenciais, trabalho ou educação, se não puder ser feito em casa, e para ser vacinado no local mais próximo possível.”

“’Eles só podem sair [de casa] para tratamento médico, em caso de emergência ou conforme exigido por lei’.”

“É muito provável que mais residentes sejam transferidos para Howard Springs hoje, seja como casos positivos ou como contatos próximos,” ele continuou, acrescentando: “Já identificamos 38 contatos próximos de Binjari, mas esse número aumentará. Esses 38 estão sendo transferidos agora’.”

“’Eu contatei o Primeiro Ministro na noite passada. Agradecemos o apoio de cerca de 20 funcionários do ADF, bem como caminhões do exército para ajudar na transferência de casos positivos e contatos próximos – e para apoiar as comunidades”.

“’Estamos fazendo uma avaliação hoje de quais recursos extras podemos precisar dos federais, e o primeiro-ministro está pronto para ajudar ainda mais – agradeço a ele por isso’.”

“Cinco dias atrás, a senadora Malarndirri McCarthy do NT [Territórios do Norte] disse à ABC que a superlotação nas comunidades indígenas era um ‘problema enorme’, apontando para o segundo grupo de novas infecções da região – que incluía nove membros da família direta de McCarthy, incluindo sua irmã que voou de Katherine para o rio Robinson enquanto, sem saber, trazia COVID-19 com ela, de acordo com o relatório.”

Os sociopatas e suas tropas que comandam a Austrália causariam inveja a Hitler e Stalin. “Você quer dizer que se pode exercer controle de ferro sobre uma nação inteira com base em uma HISTÓRIA SOBRE UM VÍRUS?”

Recebi um relatório da Austrália mostrando o número de manifestantes contra o decreto nacional da vacina, em cidades importantes, no fim de semana de 20 a 21 de novembro. O total é próximo a um milhão de pessoas – em uma nação de 25 milhões. Isso é impressionante.

Esperançosamente, esses números aumentarão.

Atualização: outro relatório da Austrália; os militares começaram a forçar a vacinação dos aborígines no Território do Norte.

É muito claro que não vivemos no mesmo mundo de dois anos atrás. Esse mundo não existe mais.

Assista a este vídeo chocante feito por June Mills, uma anciã aborígene no Território do Norte. Enquanto ela critica o fascista ministro-chefe do Território, Michael Gunner, e conclama seu povo em outras cidades a relatar o que está acontecendo com eles e o que o exército está fazendo, pergunte-se: este é o delírio irracional de uma mulher que chegou ao seu limite, ou é exatamente assim que uma pessoa sã reagiria quando assassinos do governo estivessem soltos em sua vizinhança?

 

 

Artigo original aqui

1 COMENTÁRIO