O que é um bem: a interseção de São Tomás de Aquino e Carl Menger

0
Tempo estimado de leitura: 4 minutos

Enquanto a pessoa comum pensa que a economia começa com Adam Smith e sua Riqueza das Nações, nossos leitores sabem que a história vai muito além disso. Os membros da escola austríaca geralmente descrevem seus primeiros predecessores intelectuais, os últimos escolásticos, como “proto-austríacos”. No capítulo de Jesús Huerta de Soto sobre Juan de Mariana em 15 Grandes Economistas Austríacos, Huerta de Soto escreve sobre dez grandes contribuições para o que viriam a ser importantes conceitos escolares austríacos:

  1. A teoria subjetiva do valor
  2. A relação adequada entre preços e custos
  3. A natureza dinâmica do mercado e a impossibilidade do modelo de equilíbrio
  4. O conceito dinâmico de competição entendida como um processo de rivalidade entre vendedores
  5. A redescoberta do princípio da preferência temporal
  6. A influência distorcida do crescimento inflacionário da moeda sobre os preços
  7. Os efeitos econômicos negativos do sistema bancário de reservas fracionárias
  8. Que os depósitos bancários fazem parte da oferta monetária
  9. A impossibilidade de organizar a sociedade por comandos coercivos
  10. A tradição de que qualquer intervenção injustificada do Estado no mercado viola a lei natural

De fato, Huerta de Soto continua dizendo que

       o maior mérito de Carl Menger foi redescobrir e retomar esta tradição católica continental do pensamento escolástico espanhol que foi quase esquecida e abreviada como consequência da lenda negra contra a Espanha e da influência negativa na história do pensamento econômico de Adam Smith e seus seguidores da Escola Clássica Britânica.

No entanto, essas contribuições não foram as únicas descobertas que a fundação da escola austríaca por Menger parece ecoar. Murray Rothbard escreve em História do Pensamento Econômico – Uma Perspectiva Austríaca, sobre outro católico brilhante que precedeu Juan de Mariana em cerca de três séculos, São Tomás de Aquino. Rothbard descreve Tomás de Aquino como “o intelecto imponente da Alta Idade Média, o homem que se baseou no sistema filosófico de Aristóteles, no conceito de lei natural e em uma teologia cristã para forjar o ‘tomismo’, uma poderosa síntese de filosofia, teologia, e as ciências do homem”.

Apesar da brilhante filosofia da lei natural de Tomás de Aquino, Rothbard se concentra mais em suas contribuições econômicas em relação ao preço justo, usura e moeda (sobre o qual Rothbard tem coisas positivas e negativas a dizer). Em última análise, Rothbard considera Tomás de Aquino uma influência extremamente importante. No entanto, um ponto que Rothbard não aborda é que Aquino e Menger parecem compartilhar, intencionalmente ou não, a definição de um bem. Menger define um bem como algo que satisfaz os quatro pré-requisitos a seguir:

  1. Satisfaz uma necessidade humana
  2. Tem tais propriedades que tornam a coisa capaz de ser trazida para uma conexão causal com a satisfação dessa necessidade.
  3. Há conhecimento humano dessa conexão causal
  4. O comando da coisa é suficiente para encaminhá-la à satisfação da necessidade

A definição de um bem era o ponto fundamental dos Princípios de Economia Política de Menger. No entanto, muito parecido com o trabalho dos proto-austríacos da escola de Salamanca, a definição de Menger é amplamente reminiscente do que São Tomás de Aquino escreveu nos anos 1200 em A Shorter Summa:

Devemos observar que a esperança pressupõe o desejo. Antes que uma coisa possa ser esperada, ela deve primeiro ser desejada. . . . Em segundo lugar, devemos julgar que o que se espera é possível obter; a esperança inclui esse fator além do desejo. É verdade que um homem pode desejar coisas que não acredita ser capaz de alcançar; mas ele não pode nutrir esperança em relação a tais objetos. Em terceiro lugar, a esperança implica necessariamente que o bem esperado é difícil de obter: ninharias são objeto de desprezo e não de esperança.

O primeiro critério de um bem de Menger se correlaciona diretamente com o primeiro critério de esperança de Tomás de Aquino. Menger insiste que um bem deve ter uma necessidade humana, enquanto Tomás de Aquino afirma (um tanto como sinônimo) que uma esperança é algo que é desejado. Em seguida, Tomás de Aquino explica que o homem deve acreditar que pode alcançar aquilo que espera. Isso combina as partes dois e três da definição de Menger. Da mesma forma, Ludwig von Mises explica que a crença em uma conexão entre o bem e a necessidade é mais importante do que o conhecimento absoluto disso.

O último ponto de Menger, relativo ao “comando da coisa”, não se relaciona necessariamente com a observação de Tomás de Aquino de que o bem deve ser “difícil de conseguir”. No entanto, o último ponto de Aquino se relaciona com o que Mises explica que torna algo um bem especificamente econômico, escassez. Escassez é exatamente o que Aquino está descrevendo. Tudo o que Tomás de Aquino diz a respeito da esperança é diretamente relevante para a definição austríaca posterior de um bem.

Esses teóricos católicos fizeram declarações proto-austríacas impressionantes, desinformadas pela economia, porque, como explica Tom Woods em The Church and the Market,

       Um dos traços característicos do pensamento católico ao longo dos séculos tem sido sua ênfase na razão. A mente do homem, segundo essa tradição, é capaz de apreender um mundo de ordem que existe fora dela. O homem é capaz de abstrair “universais” da miríade de objetos e dados sensoriais que aparecem para ele e, assim, trazer ordem ao caos de meros dados acima dos quais meros brutos nunca podem ascender.

A escola de Salamanca, São Tomás de Aquino e Carl Menger têm uma coisa em comum; eles usam a razão para tentar compreender a realidade objetiva. Como resultado, embora alguns abordem a teologia e outros abordem a economia, esses indivíduos brilhantes chegam às mesmas conclusões porque todos estão dando passos em direção à compreensão da realidade objetiva.

 

 

Artigo original aqui

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.