Verdade: o único governo que persiste

1
Tempo estimado de leitura: 3 minutos


A verdade é o único governo duradouro. É a única “ordem”. Na verdade, a verdade pode ser considerada o governo natural da humanidade. Não precisa de ajuda do homem. Não se preocupa com as opiniões ou desejos do homem contrários a ela.

A verdade nunca pode ser conquistada e nunca pode ser destruída. Nunca pode haver um golpe ou uma mudança de regime. O que era verdade nos tempos antigos também era verdade para nossos ancestrais; permanece verdadeiro para nós e continuará a ser verdadeiro para os que ainda estão por vir.

O relacionamento de cada indivíduo com a verdade determina o tipo de vida que ele experimentará. Viva em harmonia com ela e o céu é o limite.

No entanto, porque o homem é naturalmente livre para escolher, ele também é livre para viver uma vida invertida para a verdade. Ele está livre para desabar em espiral e passar por uma experiência abismal e dolorosa.

Portanto, o governo natural da verdade do homem é justo.

A justiça é intrínseca e não maleável.

Ninguém está acima da verdade. Não há ninguém para subornar para tirá-lo do gancho ou para conceder-lhe favores ou privilégios especiais. Não há lobistas quando se trata da verdade.

Agora vamos considerar os governos não permanentes, ou governos feitos pelo homem.

Governos feitos pelo homem sempre têm vida curta. Mesmo os mais duradouros entre eles são fugazes quando se considera a imensidão do tempo. Embora um governo milenar possa parecer impressionante para o ser humano médio, é apenas uma gota no oceano no grande esquema das coisas.

Então por que? … Por que os governos feitos pelo homem são passageiros? A resposta curta é porque muitas vezes são formados como uma rebelião contra o que é verdade.

O homem é naturalmente livre. Ele é dotado de liberdade individual. Essa é a verdade. Mas é uma verdade que muitas pessoas não gostam.

Sempre há aqueles que acreditam que devem controlar os outros; que eles pretendem conquistar o globo e criar uma nova “ordem”.

Mas existe apenas uma ordem, e essa ordem é a verdade … goste ou não.

Portanto, quando governos criados pelo homem inevitavelmente se chocam com a verdade, adivinhe qual deles ganhará?

Adivinha qual deles nunca perde?

É por isso que se diz que a verdade sempre vence no final.

Isso é impressionante!

É verdade que às vezes leva algum tempo (da perspectiva da vida humana individual) para chegar a esse fim. Mas o fim sempre chega, independentemente de quais seres humanos estejam vivos para vê-lo.

Aqui está um exemplo muito bom: em 1922, o grande economista austríaco de livre mercado Ludwig von Mises explicou logicamente por que o socialismo não pode funcionar. E por não funcionar, Mises quis dizer que o socialismo não pode cumprir suas promessas.

Visto que o homem é livre para escolher, ele obviamente pode ter seu socialismo. Alguém poderia pensar que talvez ele já tenha o suficiente. Mas embora possa ter seu socialismo, ele não pode ter o que o socialismo promete. Ele deve ter exatamente o oposto do que o socialismo promete.

Essa é uma pílula difícil de engolir para os autoritários. Eles não querem ouvir isso, então simplesmente ignoram e continuam esmagando crânios para alcançar sua utopia.

Mas Mises provou que não importa quantos crânios eles esmaguem, sua utopia como uma realidade real deve sempre permanecer em sua imaginação.

Lembre-se de que Mises fez isso apenas alguns anos após a Revolução Bolchevique na Rússia. Se as pessoas em posição de autoridade no século 20 o tivessem ouvido e aceitado o que é verdade, isso poderia ter salvado a vida de incontáveis milhões de pessoas que morreram nas mãos de seus governos socialistas.

Mises não viveu para ver a queda do Muro de Berlim, mas estava certo, apesar do fato de ter sido ignorado. Ele estava certo, apesar do fato de que aqueles que estavam errados ganhavam mais dinheiro do que ele e colhiam todos os louros e elogios que normalmente colhem os que estão errados.

A tirania soviética acabou depois de aproximadamente 70 anos. Era para ser um governo mundial. Mas o socialismo é tão contrário à verdade que os soviéticos nem chegaram à marca do século.

Governos feitos pelo homem são passageiros.

Mises foi um dos poucos que escolheram viver pelo único governo que persiste, o governo natural da humanidade, a verdade. Ele se apegou aos princípios, enquanto as massas perseguiam os delírios.

Ele viveu uma vida individual excepcional.

Enquanto as massas perseguem utopias em nosso tempo, que cada um de nós sejamos sábios e corajosos o suficiente para se agarrar à verdade como Mises fez.

Que exemplo glorioso ele deu para seguirmos.

 

 

Artigo original aqui.

1 COMENTÁRIO

  1. Talvez a tecnologia cada vez mais vai acelerar o processo da verdade bater na porta dos governos hipócritas.

    Na época de Mises demorou uns bons 72 anos entre a revolução bolchevique (1917) e a queda do muro de Berlim (1989).

    Mas será que com a tecnologia atual não está ficando mais rápido todas as transações econômicas e toda troca de informação entre pessoas?

    Será que isso não implica que os processos políticos vão acontecer cada vez mais rápido também?

    Eu quero acreditar que sim… E se isso for verdade vamos ver cada vez mais visionarios serem reconhecidos em vida e hipócritas tendo que se explicar em vida também…